Os segredos para combinar receitas de carnes e vinhos

Os segredos para combinar receitas de carnes e vinhos

Não conhecemos um povo mais apaixonado por carne que brasileiro, no entanto, ainda não tínhamos feito um artigo só sobre ela. Chegamos até a falar sobre picanha e filet mignon, mas nada de realmente completo, por isso com este artigo vamos tentar remediar!

O vinho tinto é definitivamente por excelência o vinho que mais se casa bem com carnes, mas nem todos os tintos são adequados, na verdade ás vezes é possível que seja mais adequado um vinho branco. A dica é não acreditar cegamente na regra de vinho branco com carnes brancas e vinho tinto com carne vermelha. Não há nada de mais errado quando se está escolhendo o vinho adequado.

Aqui estão algumas regras básicas para a combinação de carnes com vinhos. Lembre-se que para uma carne mal passada vai bem um vinho jovem e para mais bem passadas, vinhos mais envelhecidos. Além disso, carnes gordurosas vão bem com vinhos tânicos.

Receitas de carnes brancas

Começamos da exceção. Com carnes brancas em geral você pode facilmente combinar vinhos brancos secos, suficientemente alcoólicos, como um Collio Chardonnay. Se for uma salada de frango, como no caso da Cesar Salad (ver receita aqui), o vinho branco deve ser seco e jovem. Senão é possível combinar um vinho tinto e fresco de médio corpo, como o Bardolino.

Receitas de carnes cruas

A tartare e o carpaccio também combinam melhor com um branco encorpado, intenso e perfumado como Vermentino.

Receitas de carnes de porco

A carne de porco é uma das combinações mais versáteis: nós preferimos um bom Merlot mórbido e aveludado ou um Lambrusco espumante servido fresco, especialmente se a carne é grelhada.

Receitas de carnes grelhadas/churrasco e assados

Nós gostamos de combinar carnes grelhadas com um bom Sangiovese, o rei da carne vermelha ao sangue. Para grelhadas, churrascos e assados servem em geral, vinhos tintos jovens e frescos. Se você for grelhar, por exemplo, costeletas de cordeiro, nada melhor do que um Montepulciano d’Abruzzo, da região homónima italiana que acima de tudo é dedicada a criação de ovinos.

Receitas de carnes estufadas

Com estufados de carne você pode escolher entre um tinto bem envelhecido e corposo, como Taurasi, Cannonau e Primitivo. Este tipo de receita envolve o uso de molhos que aumentam os sabores já intensos do prato. Quando o molho é muito saboroso, como o molho madeira por exemplo, podemos nos aventurar com os grandes vinhos como o Brunello e Amarone.

Receitas de carnes no forno

Neste caso você pode combinar vinhos com um corpo médio, discretamente suaves e ácidos, com taninos macios e um rico bouquet de aromas de frutas e flores vermelhas frescas incluindo Sangiovese di Romagna ou o Bonarda.

Também poderá te interessar:

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *