Conhecendo melhor o Brunello di Montalcino

Conhecendo melhor o Brunello di Montalcino

O famoso vinho italiano Brunello di Montalcino é produzido com a uva Sangiovese, a qual geralmente não dá origem a vinhos de cor muito intensa. Pelo contrário, os vinhos produzidos a partir de uvas Sangiovese tendem a ser um pouco “transparentes“.

Na taça, um Brunello é reconhecível pela sua cor vermelho rubi com reflexos alaranjados. Este último, devido ao longo envelhecimento em barris de carvalho (dois anos é o período mínimo de afinamento, mas muitos vinhos chegam a deixar a adega dos seus produtores apenas vários meses depois – pense da versão “Riserva” com 6 anos).

No olfato, depois de uma boa oxigenação, o vinho Brunello revela bouquet incrível e complexo, cobrindo uma ampla gama de perfumes. Variando desde frutas vermelhas maduras até violetas, de baunilha para notas mais quentes de torrefação e de especiarias até perfumes etéreos.

Na boca o Brunello é uma explosão de sabores. Sirva-o em uma taça de forma ampla o que irá ajudar na liberação de seu maravilhoso bouquet de perfumes a uma temperatura de cerca de 16-18°C.
Se for uma versão envelhecida, use um decanter para separar eventuais resíduos que podem ter se depositado no fundo da garrafa.

Harmonizações do Brunello di Montalcino

O Brunello combina muito bem com pratos a base de carnes vermelhas, aves e outras carnes de caça acompanhados de cogumelos e/ou trufas e também se harmoniza elegantemente com pratos da cozinha internacional à base de carne ou molhos.
É ótimo com queijos tais como: pecorino romano, parmigiano reggiano e outros queijos mais estruturados. Além disso, é um extraordinário vinho de meditação.
Macio e aristocrático, como só um grande tinto toscano pode ser, o Brunello di Montalcino no entanto não é um vinho “fácil”. Ele pode te confundir devida a sua grande complexidade.

Um vinho que como tantos outros precisa ser tratado com respeito e tendo a consciência de que você tem na sua taça um dos maiores protagonistas da história (enológica) italiana.

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *