Bruschetta, uma tradição do churrasco italiano

Bruschetta, uma tradição do churrasco italiano

Durante um churrasco na Itália é comum preparar a bruschetta como acompanhamento entre as várias carnes. Se você ainda não experimentou, te recomendamos de experimentar no seu churrasco este pão temperado tipicamente italiano.

A Bruschetta nasceu entre a Toscana e o Lazio, e seu nome vem do dialeto italiano já que o bruscato é a fatia do pão torrado no forno ou na grelha, que é a base deste prato. A única dificuldade é escolher a cobertura entre tantas possibilidades.

A mais clássica bruschetta italiana é coberta com:

  •  tomate
  •  óleo
  •  sal
  •  manjericão
  •  alho

A preparação é muito rápida. Torre uma fatia de pão na grelha (se você estiver em casa, você pode fazê-la no forno) e esfregue nela um dente de alho. Enquanto isso, em uma tigela adicione os tomates picados e tempere com azeite, sal e manjericão. Deixe em infusão por pelo menos meia hora passando depois a mistura sobre o pão assim que todos os sabores estiverem bem misturados.

A bruschetta, no entanto, está aberta a muitas interpretações e fantasias extravagantes.

  • Se você está preparando linguiças no seu churrasco você pode espalhar a linguiça crua no pão levemente já torrado e cozinhar na grelha com linguiça para baixo.
  • Se você já aprendeu a preparar o molho pesto graças ao nosso artigo, saiba que é possível temperar a sua bruschetta com este molho.
  • Você também pode fazer a versão pizza, aplicando uma fina camada de molho, com um pouco de mussarela e orégano, leve tudo ao forno até que o queijo derreta.
  • Finalmente, você também pode grelhar legumes, como pimentão e berinjela, para substituir os tomates.

Não há prato mais simples para combinar com vinhos.

A bruschetta vai bem com tudo, depende das situações: se você está no meio de um churrasco um bom Chianti irá acompanhar muito bem a sua tarde, se você está servindo a bruschetta como um aperitivo, um bom vinho branco como o Passerina ou um vinho espumante são perfeitos.

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *